Aguarde! Carregando...
Aguarde! Carregando...
X

O Tabuleiro

  • Dólar Comercial R$ 3,228 Dólar PTAX800 R$ 3,256
  • 23-11-2017 | 09:20h

A Redação do ENEM e as iniquidades Sociais

A Redação do ENEM e as iniquidades Sociais

Neste domingo dia 05, mais de seis milhões de jovens foram surpreendidos com o tema da redação do ENEM: Desafios para a formação educacional dos Surdos no Brasil.

Com quase 10 milhões de Surdos, o Brasil deu um grande passo na inclusão desses brasileiros com a criação em 2002, da lei 10.436 que instituiu a Língua Brasileira de Sinais - LIBRAS, como primeira língua oficial para os Surdos e tornando o Bilinguismo oficial no país.

Passados 15 anos, podemos perguntar, existe a equidade para os Surdos e para as demais pessoas com deficiência?

Fala-se muito em igualdade de condições. Igualdade é um termo usado para igualar um individuo ou um objeto. É quando algo ou alguém seja parecido ou equivalente ao outro.

A luta pela igualdade surgiu com os revolucionários franceses que defendiam igualdade, liberdade e fraternidade. Antes deles, a desigualdade era vista como algo natural, que fazia parte da natureza humana.

E a inclusão? Quando se inclui se iguala? O que fazer para que a Inclusão aconteça na sua totalidade, nos diferentes espaços e instituições?

O tema da redação do ENEM é uma excelente oportunidade para tornar os invisíveis inseridos socialmente, mesmo que o enfoque tenha sido na formação do Surdo, precisamos entender que essa formação não se limita a Escola e ao professor, ela perpassa em todas as áreas, instituições e profissionais.

Neste sentido, avanço a discussão para a conquista da equidade. E o que é equidade? Vem do latim e significa justiça natural, disposição para reconhecer imparcialmente o direito de cada um, ou simplesmente justiça, igualdade e retidão.

Se a igualdade é dar às pessoas as mesmas oportunidades, a equidade consiste em adaptar as oportunidades, deixando-as justas para todos.

Na área do Direito, a equidade é uma forma justa da aplicação da lei, porque é adaptada a regra, a uma situação existente, já que toda a interpretação da justiça deve atender para o justo.

Se a equidade é adaptar os meios para atender a todos, Iniquidade é uma grave injustiça, ou um pecado. No aspecto religioso, a iniquidade é o desrespeito e negação das leis e mandamentos sagrados de Deus, sendo mencionada diversas vezes no Velho e Novo Testamento da Bíblia Sagrada. 

A iniquidade pode ser considerada um pecado, mas de uma forma mais agravante. Segundo a Bíblia, o iníquo é o indivíduo que já está acostumado a pecar, não se importando mais com as consequências ou tendo vergonha de cometê-los. 

No aspecto social, a iniquidade acontece quando as normas e leis destinadas à sociedade, de um modo geral, não estão sendo cumpridas igualitariamente, seguindo os princípios dos Direitos Humanos, da moral e da ética. 

No Brasil, existem vários casos de iniquidades sociais, praticados por instituições públicas e privadas, seja na área da educação escolar, sistema de saúde ou segurança pública. 

Que o surpreendente e corajoso tema da redação do ENEM, nos permita refletir sobre as iniquidades sociais que tem sido cometida contra os Surdos e demais pessoas com deficiências.

 

Deixe seu comentário para A Redação do ENEM e as iniquidades Sociais

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR ESTE POST! Deixe agora o Seu Comentário :)
Avalie Este Conteúdo: 1 2 3 4 5
[Aguarde, Buscando Dados!]

Colunas de Prof. Reinaldo Soares

Prof. Reinaldo Soares
Prof. Reinaldo Soares

Reinaldo Soares é Mestre em Cultura e Turismo pela UESC/UFBA, Ex- Presidente do Conselho Municipal de Educação de Ilhéus- Diretor do IBEC, Palestrante, Professor da Pós-Graduação da FACSA/IBEC e do Colégio Estadual Professora Horizontina Conceição.  E-mail: [email protected]

Tempos Sombrios

Política

A história tem a capacidade de nos ensinar a não [+]